Ganhe 10% de desconto para compras acima de R$ 199,00 - Use cupom desconto: VERAO2019

Saúde

RSS
Os benefícios de saúde de Aminoácidos

Os benefícios de saúde de Aminoácidos 0

Manter-se na melhor saúde possível é um dos principais objetivos da maioria das pessoas na vida. Para fazer isso, você deve entender alguns dos elementos importantes e sistemas complexos dentro de seu corpo. Os aminoácidos, por exemplo, ajudam a criar a proteína que mantém seus músculos saudáveis e fortes. Vamos dar uma olhada nos aminoácidos, o que eles fazem e como você pode manter seu corpo em ótima forma, sem se deixar esfarrapado!


O que são Aminoácidos?
Se você pensa em seu corpo como um quebra-cabeça que é composto de muitas peças diferentes, então os aminoácidos são, sem dúvida, um dos mais importantes. Eles trabalham para construir proteína, uma substância vital que seu corpo usa ao criar músculos. Se você não ingerir aminoácidos suficientes, seu corpo não poderá formar a proteína necessária para manter os músculos em boa forma. Além disso, tenha em mente que a massa muscular é um elemento importante da perda de peso. Se seus músculos não são tão fortes quanto deveriam, você pode se esforçar para perder peso e entrar em forma. Aminoácidos - particularmente aminoácidos de cadeia ramificada, também conhecidos como BCAAs - são algo que você deve garantir que está recebendo o suficiente.


Qual o impacto dos aminoácidos na saúde?
Aminoácidos essenciais podem ter um grande impacto na sua saúde. A maior ingestão de aminoácidos é tipicamente associada à magreza corporal e à saúde geral, enquanto a ingestão menor tem conotação oposta. Um BCAA, em particular, para ficar de olho é a Leucina, que trabalha duro para evitar a quebra muscular e aumenta a velocidade com que o seu corpo constrói o músculo em geral. Isto é importante para a sua saúde porque, como mencionado brevemente acima, a massa muscular é vital para um corpo saudável. Outro aminoácido que mantém o corpo funcionando sem problemas é a histidina, que é responsável por promover o reparo e o crescimento dos tecidos, além de gerar glóbulos brancos e vermelhos.
Como posso ter certeza de que estou recebendo aminoácidos suficientes na minha dieta?
Com todos os itens acima mencionados, é importante notar que os aminoácidos não são algo que seu corpo pode criar sozinho (com exceção dos aminoácidos não essenciais). Isso significa que você precisa garantir que está ingerindo alimentos ricos nessas substâncias, a fim de manter sua dieta equilibrada e os sistemas de seu corpo funcionando sem problemas. Você verá que carnes como carne de porco, carne bovina, frango e peru são especialmente ricas em aminoácidos, assim como laticínios, como queijo e iogurte. Você também pode obter aminoácidos essenciais de fontes vegetais, como produtos de soja e outras leguminosas.

Se você é vegano ou tem uma sensibilidade nutricional que o impede de ingerir alimentos ricos em aminoácidos essenciais, talvez seja necessário procurar um suplemento. Suplementos de aminoácidos podem ajudá-lo a aumentar sua ingestão em forma de pílula fácil de engolir, enquanto suplementos em pó podem ser misturados com água e facilmente consumidos. Você pode até encontrar produtos de aminoácidos que são criados para ajudar em questões ou circunstâncias específicas. Por exemplo, existem impulsionadores de aminoácidos líquidos que são projetados especificamente para ajudar os atletas a promover um crescimento muscular saudável.

Proteína vegana no Brasil

Proteína vegana no Brasil 0

Após o boom do whey protein, proteína do soro do leite, o brasileiro começa a se interessar pela vegan protein. Seja por uma preocupação com a origem dos alimentos consumidos ou por um cuidado com o meio ambiente, cada vez mais brasileiros têm aderido ao vegetarianismo ou até mesmo ao veganismo.

Optando-se por não consumir alimentos de origem animal, surge o receio de como substituir a proteína animal na alimentação. A proteína vegana é uma opção para seguir uma dieta restritiva sem prejudicar a ingestão recomendada de proteína.

A proteína vegana, nada mais é do que proteína advinda de plantas, como legumes, grãos, nozes e sementes. Processadores de alimentos removem a maior parte de carboidratos e de gorduras e isolam a proteína de alimentos como sementes de girassol, ervilha e arroz, formando pós ricos em proteína. Proteínas em pó são uma forma fácil e prática de garantir o consumo protéico diário, pois não exigem preparações complicadas. Para consumir proteína vegetal em pó é bastante simples, bastando misturá-la com algum líquido, como, água, água de coco, leites vegetais, sucos, entre outras bebidas, formando um shake ou uma vitamina. Existem no mercado, versões sem sabor de proteínas vegetais em pó, que são usadas em receitas salgadas para aumentar o seu valor protéico. Existem muitas argumentações sobre a proteína vegetal não ser completa, por não conter todos os aminoácidos essenciais ao corpo humano. Entretanto, consumir proteínas veganas de origens variadas com regularidade é uma forma de driblar este problema. Alguns nutricionistas afirmam que uma dieta vegana pode ser mais rica em determinados nutrientes do que outras dietas, pois, normalmente, forneceria maiores quantidades de fibras e antioxidantes. Sendo, ainda, a maioria das fontes de proteína vegetal, comparadas à proteína animal, menor em gordura saturada, sem colesterol e maior em fitoquímicos.

A primeira proteína vegetal que veio a substituir a proteína do soro do leite no mercado, foi a da soja. Apesar de possuir uma ótima qualidade de aminoácidos, a proteína da soja é muito questionada por ser transgênica. Isso abriu espaço no mercado, tanto brasileiro, quanto internacional, para a procura por proteínas de ervilha e de arroz, por exemplo, que, além de não serem transgênicas, são hipoalergênicas. Há vários estudos que comprovam como sendo alguns dos benefícios do consumo de suplementos protéicos: prevenção de perda muscular no processo de envelhecimento, ganho de massa muscular, auxílio no tratamento de obesidade e, até, de diabetes 2, entre outros. Contudo, é muito importante salientar que o consumo de suplementos alimentares deve ser feito com acompanhamento nutricional para potencializar os seus benefícios e garantir bons resultados. A seguir, são apresentados três suplementos de proteína vegana em pó, que podem ser encomendados nos Estados Unidos e serem consumidos no Brasil, e suas características:

Optimum Nutrition Gold Standard 100% Orgânica Proteína Vegana

Este suplemento se destaca por garantir 24 gramas de proteína por dose, ao contrário dos típicos 20 gramas oferecidos por outras marcas. Além de uma quantidade maior de proteína, cada dosagem proporciona uma ótima fonte de vitamina B12, necessária para a boa manutenção do sistema nervoso, e 100% do valor diário indicado de vitamina C, fundamental para hidroxilação do colágeno no organismo. Sua mistura de proteínas, que asseguram um composto de aminoácidos essenciais completo, é feita a partir de sacha inchi, arroz integral e ervilha. A fórmula orgânica do Optimum Nutrition Gold não possui glúten, adoçantes, corantes ou sabores artificiais, nem Organismos Geneticamente Modificados (non-GMO). Outro grande destaque deste suplemento, elogiado por muitos de seus consumidores, é a sua textura e a facilidade com que se mistura a líquidos. A presença de protuberâncias mal misturadas em vitaminas protéicas é uma das maiores críticas a este tipo de bebida, pois prejudicam o seu sabor e até mesmo a sua digestão. Mas este é um problema com o qual usuários do suplemento Optimum Nutrition Gold não precisam se preocupar, já que sua capacidade de se misturar é notável. Outra crítica frequente a bebidas protéicas em pó, feita por pessoas quando começam a consumí-las pela primeira vez, é uma leve tendência a causar um certo desconforto intestinal, até o organismo se acostumar à ingestão do novo alimento. Porém, mesmo usuários que não estavam acostumados a beber suplementos de proteína vegana, relatam que passaram a sentir uma melhora no seu processo digestivo, sem qualquer tipo de desconforto.

Garden of Life, Proteína Vegana de Baunilha à Base de Plantas Orgânicas

Um dos grandes diferenciais deste produto é o fato de ele ser raw, ou seja, além de ser um alimento de origem vegetal, ele não é processado ou cozido acima de 42º centígrados. Segundo o seu fabricante, o calor e o processamento podem deturpar as proteínas. Além disso, a proteína em pó é livre de glúten, laticínios, soja, nuts, corantes e sabores artificiais, adoçantes e conservantes. Sendo assim, um alimento seguro para aqueles que não somente desejam adotar uma alimentação livre de produtos de origem animal, mas que também sofrem com intolerâncias e alergias alimentares. Para cada porção deste suplemento, há 20 gramas de proteína vegetal orgânica, extraídos de 13 grãos e sementes orgânicos, 7 gramas de fibra orgânica, gorduras saudáveis, 21 vitaminas e minerais. A presença em sua fórmula de 1,5 bilhão de probióticos vivos mais enzimas ajudam a manter o processo digestivo saudável. E tudo isso, sem conter Organismos Geneticamente Modificados (non-GMO). De acordo com comentários de pessoas que consomem este produto há um certo tempo e atestam os seus benefícios, ao misturar o suplemento com a quantidade de líquido indicada pelo fabricante, 230ml, o shake ficaria um pouco espesso demais. A dica seria, para quem quer consumir uma bebida mais fluída, colocar um pouco mais de líquido na mistura e não deixá-la parada após o seu preparo, já que ela engrossa mais à medida que o tempo passa.

Vega Protein & Greens, Proteína Vegana Baunilha

Fabricado a partir de uma mistura à base de diferentes plantas, entre seus ingredientes estão alfafa e couve orgânicos, espinafre e brócolis. Cada porção do produto contém 20 gramas de proteína, que contém todos os aminoácidos essenciais. Estes aminoácidos são naturalmente encontrados na mistura, utilizada na produção do suplemento, de proteínas de sacha inchi, cânhamo, linhaça e ervilha. O produto não contém glúten, corantes ou sabores artificiais, nem adoçantes; além disso, é certificado como vegano e não contendo Organismos Geneticamente Modificados (non-GMO). Como indicação de consumo, o fabricante recomenda misturar bem uma porção do Vega Protein & Greens com 230ml de água gelada. Pode-se, além disso, fazer vitaminas usando o liquidificador e assar receitas doces, substituindo de 1/8 a 1/4 da farinha exigida na receita original pela proteína em pó. O site do fabricante oferece uma central com receitas das mais variadas, apresentando alternativas de consumo para o seu produto. É possível fazer biscoitos, panquecas, waffles, smoothies, com o Vega Protein & Greens. Consumidores assíduos deste produto alertam que ele é ideal para pessoas que gostam do sabor de estévia e de produtos ligeiramente mais doces. Para aqueles que não gostam do sabor de estévia é sugerido que se adicione suco de limão ou um punhado de folhas verdes escuras, como espinafre, ao fazer uma vitamina, por exemplo. A sugestão pode parecer estranha, mas segundo relatos de clientes, a estratégia funciona, neutraliza o sabor da estévia, sem prevalecer o sabor do espinafre na vitamina.

Os benefícios de saúde da fibra dietética

Os benefícios de saúde da fibra dietética 0

Segundo a Organização Mundial de Saúde, o adulto típico deve consumir cerca de 25 gramas de fibra por dia. No entanto, a maioria das pessoas não está consumindo o suficiente.
  • Carol Fonseca
Os principais suplementos para antes, durante e depois do treino

Os principais suplementos para antes, durante e depois do treino 0

Ao escolher quais suplementos tomar, existem duas considerações principais: 1) o suplemento será eficaz para meus objetivos?
  • Carol Fonseca
Os melhores Suplementos Esportivos para Homens

Os melhores Suplementos Esportivos para Homens 0

Você treina duro, come bem e está procurando uma maneira de maximizar seus resultados de todo esse trabalho duro. Seus amigos de academia trouxeram suplementos esportivos para você em muitas ocasiões. Mas por onde começar?
4 passos para ter uma vida mais saudável

4 passos para ter uma vida mais saudável 0

O desejo de ter uma vida mais saudável pode surgir a qualquer momento por variados motivos, sendo o principal deles, o combate a alguma doença.
Glucosamina – suplemento de reconstituição e fortalecimento articular

Glucosamina – suplemento de reconstituição e fortalecimento articular 0

Só quem já sofreu ou sofre diariamente com dores articulares sabe o quanto é difícil executar tarefas ou movimentos simples, como digitar no celular, carregar sacolas e varrer a casa.
Creatina – como esse nutriente pode melhorar a performance de seu treino?

Creatina – como esse nutriente pode melhorar a performance de seu treino? 0

Está em busca de uma substância orgânica, que aumente a capacidade do seu corpo de produzir energia rapidamente, ajude seus músculos a suportarem grandes pressões e permita que você melhore o desempenho de seu treino?
Melatonina – uma das substâncias mais consumidas dos últimos anos!

Melatonina – uma das substâncias mais consumidas dos últimos anos! 0

Como é a qualidade do seu sono? Você adormece assim que deita na cama ou fica pensando por longas horas? Você dorme ininterruptivelmente ou acorda várias vezes durante a noite?
A melhor suplementação para controlar Colesterol e Triglicerídeos

A melhor suplementação para controlar Colesterol e Triglicerídeos 0

Quando você está tentando reduzir o colesterol ou triglicérides e prevenir doenças cardíacas, você pode acabar em uma loja online de vitaminas, enfrentando dezenas de suplementos. Quais valem a pena tentar?

O objetivo de gerenciar hipertrigliceridemia e hipercolesterolemia é reduzir eventos e mortes por doença cardiovascular.

Óleo de peixe (fish oil) Estes suplementos ajudam a reduzir os níveis de triglicerídeos em até 30%, graças ao ômega-3 que eles têm como EPA e DHA. Estudos indicam que o consumo modesto de óleo de peixe (aproximadamente 250 mg / dia de EPA + DHA) pode reduzir o risco de morte por DC e morte súbita cardíaca, com pouco ou nenhum risco.

Você precisará de uma dose alta – 2-4 gramas de óleos de peixe EPA e DHA por dia. Pode ser difícil conseguir essa quantia de suplementos. Se os seus triglicéridos são muito elevados, o seu médico pode recomendar um óleo de peixe com receita médica.

Consumo de óleo de peixe em pessoas com doença cardíaca pode reduzir o risco de morte por DC e morte súbita cardíaca.

Algumas pessoas estão preocupadas com altos níveis de mercúrio ou outros poluentes ao escolher suplementos de óleo de peixe. A quantidade real de óleo de peixe e o quão bem ele é absorvido em seu corpo também é importante. Pergunte ao seu médico sobre os seguros e eficazes para tentar.

Psyllium A fibra é um grande destruidor de colesterol e parte de uma dieta saudável. A fibra também ajuda a diminuir os triglicerídeos e o colesterol total, especialmente para pessoas com diabetes tipo 2. Não há substituto para obter fibra suficiente de alimentos como vegetais, frutas e grãos integrais; No entanto, se o seu colesterol é alto, apesar de uma dieta saudável, o psyllium pode ajudar.

Ele remove o colesterol, mas, assim como outras fibras, pode fazer com que você precise ir ao banheiro com mais frequência ou causar prisão de ventre, se não aumentar também o consumo de água.

Suplementos de proteína de soja.A soja pode reduzir um pouco os níveis de colesterol total e LDL. Comer proteína de soja em vez de proteína animal (como carne e laticínios integrais) também ajudará.

Coenzima Q10. Este poderoso antioxidante pode diminuir a capacidade do colesterol LDL de se prender aos vasos sangüíneos dos camundongos. No entanto, os cientistas dizem que mais pesquisas são necessárias para confirmar se ele pode funcionar em humanos.

Então, o que acontece com isso? Se você está tomando uma estatina para diminuir o colesterol e ter dores musculares como efeito colateral, há alguma prova de que a coenzima Q10 pode ajudar a aliviá-la.

Alho(Garlic) suplementos reduziu ligeiramente os níveis de colesterol total e LDL em alguns pequenos estudos. No geral, as evidências parecem apoiar o alho como um meio eficaz de baixar o colesterol.

Niacina. Esta vitamina B pode aumentar o colesterol “bom” HDL e diminuir o colesterol “ruim” LDL e triglicerídeos – mas usá-lo apenas se o seu médico lhe aconselha. Apenas doses de nível de prescrição afetam o colesterol e triglicerídeos.

Arroz vermelho do fermento( Red yeast Rice). Este suplemento tem o mesmo ingrediente ativo encontrado em drogas estatinas redutoras do colesterol. No entanto, o FDA classificou-o como uma droga e proibiu sua venda como um suplemento nos EUA, dizendo que precisa de mais regulamentação por causa dos efeitos colaterais. Se você encontrá-lo em uma loja para venda sem receita médica, pode não ser a coisa real. Se você está fazendo o pedido on-line, cuidado! Pode ter os mesmos efeitos colaterais dos medicamentos e interações negativas com outras drogas.

  • Referencias: Web Md Website
Como proteger o cérebro contra perda de memória

Como proteger o cérebro contra perda de memória 0

A perda de memória e a diminuição do poder cerebral são inevitáveis à medida que envelhecemos? Muitas pessoas em seus 40, 50 e além são informadas de que é, e não há nada que possa ser feito sobre isso. Não é verdade.
Maximize ganhos musculares consumindo a quantidade certa de Proteínas

Maximize ganhos musculares consumindo a quantidade certa de Proteínas 0

Se você está buscando entrar em forma, é tudo sobre a proteína. Aprenda a maximizar ganhos consumindo a quantidade certa deste macronutriente.